Transtorno de Pânico (TP) com Agorafobia

O Transtorno do Pânico é considerado um Transtorno de Ansiedade, de curso crônico na maioria dos casos, e afeta mais mulheres que homens.

O TP é caracterizado por crises intensas de ansiedade repentinas, acompanhados de sintomas físicos e emocionais (tontura, falta de ar, fôlego curto, taquicardia, desorientação, calafrios ou calores, sufocamento, engasgamento, suor, perda de controle sobre a bexiga, náusea, dores no peito, e uma sensação de ruína impeditiva, tem a sensação de estar tendo um ataque cardíaco ou colapso nervoso, ou, ainda que estejam ficando loucos). A crise de pânico é o surgimento de ansiedade diante do que está acontecendo em seu corpo, o medo de suas próprias sensações e emoções. “Estou perdendo o controle”.

A pessoa passa a evitar situações ou eventos em que as crises de pânico ocorreram, o que acarreta o funcionamento psicossocial prejudicado, não conseguem sair de casa por exemplo, entre outros.

O TP pode levar a agorafobia, que é o medo de estar em lugares de onde a fuga possa ser embaraçosa ou difícil diante de uma crise de pânico. Entre as situações evitadas: lugares fechados, multidões, estar longe de casa, enfrentar filas, etc.

O Transtorno do Pânico pode apresentar-se com comorbidade com outro Transtorno de Ansiedade, Depressão Maior e Distimia.

A Terapia Cognitivo Comportamental é eficaz no tratamento, e tem como objetivo a correção de interpretações catastróficas e os medos condicionados das sensações corporais e evitações. Utiliza técnicas para aliviar a ansiedade, como: respiração diafragmática e relaxamento muscular, mudanças cognitivas e exposições interoceptiva e exposições in vivo gradual, desse modo os pacientes desenvolvem condições para serem expostos a situações temidas-evitadas, etc.

Há muitos ganhos terapêuticos, os pacientes aprendem a lidar com as crises, desenvolvem mais autoconfiança, assertividade e autoestima, melhorando a qualidade de vida e autonomia.

Compartilhe com seus amigos

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest