Transtorno de Estresse Pós-Traumático- TEPT

O Transtorno do Estresse Pós-Traumático é considerado um Transtorno de Ansiedade. O indivíduo experimenta níveis de ansiedade exacerbados, que podem afetar cognições, afetos e comportamentos.

O TEPT é caracterizado por exposição à situações traumáticas e estressoras como: ameaça de morte, assaltos, sequestros, lesão grave, abuso sexual, violência doméstica, testemunhar eventos traumáticos com outras pessoas, saber que o evento traumático aconteceu com pessoas próximas ou ser exposto aos detalhes repetidamente. O indivíduo vivência um medo intenso, e uma sensação enorme de impotência. Porém, não somente as vítimas diretas de um trauma, mas os indivíduos que vivenciaram indiretamente a situação traumática podem estar susceptível a esse transtorno.

Há a presença de sintomas intrusivos e repetitivos relacionados ao trauma, como: lembranças, sonhos, flashbacks, sofrimento psicológico e/ou reações fisiológicas que simbolizem ou se parecem aos aspectos do evento traumático. Há um esforço para evitar recordações, pensamentos e sentimentos relacionados ao evento, como: pessoas, lugares, conversas, atividades e situações que possam evocar recordações, pensamentos e sentimentos. Também pode apresentar crenças negativas sobre si e outros, demonstrar comportamentos irritadiços e surtos de raiva, comportamento imprudente ou autodestrutivo, hipervigilância, resposta de sobressalto exagerada, problemas de concentração e perturbação do sono. Esses sintomas devem prevalecer por mais de um mês, e com  prejuízo social, profissional ou em outras áreas importantes da vida da pessoa. A vivência de uma experiência traumática pode acarretar efeitos negativos no desenvolvimento do indivíduo, afetando o seu funcionamento no mundo.

A Terapia Cognitivo Comportamental é considerada a abordagem terapêutica mais eficaz no tratamento de TEPT, uma vez que utiliza técnicas de exposição prolongada, técnicas de relaxamento e reestruturação cognitiva, a fim de diminuir o quadro ansioso, depressivo e os sentimentos relacionados ao transtorno e ao trauma, possibilitando que a pessoa possa ressignificar as experiências negativas que as situações traumáticas propiciaram.

Compartilhe com seus amigos

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest